Esta conclusão resulta de uma análise à idade da reforma, às iniciativas de pensões do governo e ao grau de saúde dos 37 países e capitais da OCDE, realizada pela imobiliária britânica Audley Village.

Revela um estudo da imobiliária britânica Audley Village, que Lisboa é uma das cidades com melhores condições de vida para os reformados viverem. Ao analisar a idade da reforma, as iniciativas de pensões do governo e o grau de saúde dos 37 países e capitais da OCDE, o promotor de aldeias de reformados de luxo mostra como o planeamento da reforma varia em todo o mundo.

A capital portuguesa ocupa o 8.º lugar da tabela que engloba 37 cidades de todo o mundo, integradas na Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

Em primeiro lugar, está Madrid sendo, desse modo, a cidade que reúne as melhores condições de vida para os reformados. Em seguida está Viena (Áustria) e Atenas (Grécia), que ocupam o segundo e terceiro lugares da lista, respetivamente. Bratislava, da Eslováquia, ocupa o ultimo lugar da tabela, tendo uma das menores expectativas de vida aos 78 anos, de acordo com o estudo da imobiliária britânica.

Para classificar como os indivíduos financeiramente preparados estão nos países e cidades específicos, foram analisadas uma série de métricas, como o rendimento médio anual, a pensão pessoal em comparação com os seus rendimentos pré-aposentados, a percentagem média do rendimento disponível colocado em poupanças, as taxas anuais de investimento dos planos de retorno dos planos de poupança de reforma e a percentagem de indivíduos que possuem os seus próprios bens.

Nesse sentido, Luxemburgo fica em primeiro lugar como o país com o terceiro rendimento médio anual mais elevado. Mas, apesar de ter sido o mais baixo na generalidade dos resultados, quando se olha para a prontidão da reforma, Bratislava marca consistentemente bem no que diz respeito ao preço dos imóveis

Madrid lidera o ranking sobretudo devido por ter a duração da reforma mais longa, em média 22 anos, em Lisboa são apenas 16 anos, note-se, sendo que a isto junta-se o facto de ter uma das maiores esperanças médias de vida, em média 84 anos.

Ainda segundo a Audley Village, o país espanhol também encabeça a lista de nações da OCDE onde as pessoas estão melhor preparadas para se reformarem. Neste ranking, Portugal surge na 10ª posição.